Ver registro simples

Despacho

Despacho de 24 de maio de 2016

dc.contributor.authorBrasil. Tribunal Superior do Trabalho (TST)
dc.contributor.otherBrasil. Tribunal Superior do Trabalho (TST). Gabinete da Presidência (GP)pt_BR
dc.date.accessioned2016-08-26T16:53:12Z
dc.date.available2016-08-26T16:53:12Z
dc.date.created2016-05-24
dc.date.issued2016-05-27
dc.identifier.citationBRASIL. Tribunal Superior do Trabalho. Despacho de 24 de maio de 2016. Boletim Interno [do] Tribunal Superior do Trabalho, Brasília, DF, n. 21, p. 7, 27 maio 2016.pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/20.500.12178/94033
dc.description.abstractIndefere o pleito da Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público da União (Fenajufe) de pagamento do percentual de 13,23% sobre os valores atuais da remuneração dos servidores, consoante Resolução Administrativa n. 1819/2016, que concedeu a vantagem a todos os servidores sobre os valores da remuneração vigente em dezembro de 2002.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectFederação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público da União (Fenajufe)pt_BR
dc.subjectServidorpt_BR
dc.subjectPercentagempt_BR
dc.subjectRemuneraçãopt_BR
dc.subjectPagamentopt_BR
dc.subjectIndeferimentopt_BR
dc.subjectBrasil. Tribunal Superior do Trabalho (TST)pt_BR
dc.titleDespacho de 24 de maio de 2016pt_BR
dc.relation.referencesProcesso TST – 501.390/2016.2pt_BR
dc.relation.referencesResolução Administrativa n. 1819, de 12 de abril de 2016pt_BR
dc.type.atoDespachopt_BR
dc.relation.referenceslinkhttps://hdl.handle.net/20.500.12178/83292pt_BR

Thumbnail

Coleção

Ver registro simples