Show simple item record

Despacho

Despacho do Presidente, em 10 de abril de 2002

dc.contributor.authorBrasil. Tribunal Superior do Trabalho (TST)
dc.contributor.otherBrasil. Tribunal Superior do Trabalho (TST). Gabinete da Presidência (GP)pt_BR
dc.date.accessioned2013-06-25T18:34:08Z
dc.date.available2013-06-25T18:34:08Z
dc.date.created2002-04-10
dc.date.issued2002-04-17
dc.identifier.citationBRASIL. Tribunal Superior do Trabalho. Despacho do Presidente, em 10 de abril de 2002. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 17 abr. 2002. Seção 1, p. 51.pt_BR
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/20.500.12178/30779
dc.description.abstractRatifica a inexigibilidade de licitação objetivando a participação de servidor em curso de pós-graduação graduação strictu sensu Mestrado em Economia.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectRatificaçãopt_BR
dc.subjectBrasil. Tribunal Superior do Trabalho (TST)pt_BR
dc.subjectUniversidade Católica de Brasília (UCB)pt_BR
dc.subjectCurso de pós-graduaçãopt_BR
dc.subjectLicitaçãopt_BR
dc.subjectServidorpt_BR
dc.subjectMestradopt_BR
dc.subjectEconomiapt_BR
dc.titleDespacho do Presidente, em 10 de abril de 2002pt_BR
dc.relation.referencesProcesso TST n. 24.858/2002.4pt_BR
dc.type.atoDespachopt_BR
dc.identifier.yearandnumber2002

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record